domingo, 26 de junho de 2016

A PEDRA PORTUGUESA COMO IDENTIDADE

QUEM TEM A SORTE DE PASSEAR POR LISBOA, DIFICILMENTE DEIXARÁ DE SE ENCANTAR COM O TRABALHO DO CALÇAMENTO COM PEQUENAS PEDRAS BRANCAS E NEGRAS DE GRANITO, CUIDADOSAMENTE DISTRIBUÍDAS PARA FORMAR ELEGANTES E ORIGINAIS DESENHOS QUE EMBELEZAM NÃO SOMENTE A CAPITAL PORTUGUESA, MAS TAMBÉM O AMPLO TERRITÓRIO DA LUSITANIDADE. 


ENTRE O CASTELO SÃO JORGE E ALFAMA...



OU NA BAIXA POMBALINA


ESTES TESOUROS DE ENGENHARIA MANUAL
SÃO MANTIDOS COMO PATRIMÔNIO NACIONAL
POR CUIDADOSOS CALCETEIROS


 QUE DOMINAM PERFEITAMENTE SUA ARTE.
POIS É DE ARTE QUE SE TRATA.


NÃO EXISTEM PESQUISAS NESTE SENTIDO, MAS SÃO COM CERTEZA MILHARES DE QUILÔMETROS QUADRADOS PELO MUNDO AFORA  DESTA DECORAÇÃO URBANA ORIUNDA DIRETAMENTE 
DA CULTURA GRECO-ROMANA


ENTÃO, POR FAVOR, VAMOS IMPEDIR O SUMIÇO DE TÃO IMPORTANTE EXPRESSÃO CULTURAL NA PRIMEIRA CAPITAL DO BRASIL.

É SÓ TRABALHAR COM SERIEDADE 
E DE UM MÍNIMO DE MANUTENÇÃO.


AQUI OUTRO EXEMPLO DE CALÇAMENTO COM PEDRAS PORTUGUESAS NO CASTELO MOURO DE PALMELA, A UMA HORA DE LISBOA.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails